28 de Fevereiro, 2024

Governo do estado anuncia casa em dedicação às mulheres em Tauá e Crateús

Foto: Governo do Estado do Ceará

Descripción de la imagen

Aguardando imagem patrocinada

O dia 8 de março de 2023 está marcado nas mentes e corações das mulheres cearenses como uma data solene de realizações, é que dentre outras atividades, o Governo do Estado do Ceará promoveu o início da construção de mais duas casas da Mulher Cearense, em Tauá e Crateús, e a implementação das Patrulhas Maria da Penha.  

Os anúncios foram divulgados pela atual vice-governadora, Jade Romero, acompanhada da primeira-dama do Estado, Lia de Freitas, e das 16 secretárias de Estado, no Encontro do Dia Internacional da Mulher, realizado na manhã desta quarta-feira (8), no Palácio da Abolição, em Fortaleza.

Jade ao comentar sobre as ações enfatizou a paridade de gênero do secretariado do Governo do Ceará e a destinação orçamentária às pastas lideradas por mulheres. 

“A primeira ação afirmativa do nosso governo se deu por meio do governador Elmano de Freitas, quando anunciou um secretariado com paridade de gênero. Essa foi uma sinalização importante. Estamos trazendo conosco outras mulheres que precisam da política, de socorro, e desejam participar. Justiça social para as mulheres é para toda a sociedade. Essa não é uma pauta só nossa, das secretárias, é de toda a sociedade, e precisamos ter os homens no combate à violência. Contamos com cada homem e cada mulher. Nós queremos viver em paz e com respeito”, explanou Jade Romero.

Na atual gestão, das 32 secretarias estaduais, 16 são comandadas por mulheres. A primeira-dama Lia de Freitas destacou que a transformação estrutural em prol das mulheres deve ser exercitada no dia a dia, do cotidiano doméstico ao ambiente de trabalho. 

“A política de combate à violência é construída a partir do nosso dia a dia. Proponho trabalhar em nossas secretarias o combate ao assédio às mulheres em diálogo com secretários e outros gestores. Ampliar também para outros espaços, como as escolas. Nós também precisamos dar oportunidade de autonomia para essas mulheres. Que possamos pensar juntas e com os homens no compromisso ao combate a todas as formas de violência em nosso estado. Onde tem violência metemos a colher. Vamos à luta de cada dia”, explicita a Primeira-Dama. 

Foi anunciado também neste 8 de março, o selo em prol da equidade de gênero e raça, incentivando o acesso, a ascensão, a remuneração e a permanência de trabalhadores e de trabalhadoras, sem discriminação de gênero e de raça, no mundo do trabalho. Quando implementado, conforme projeto de indicação da deputada Larissa Gaspar, o selo será concedido pelo Governo do Ceará, por meio da Secretaria das Mulheres, com avaliação e certificação de um Comitê Gestor.