5 de Março, 2024

Haddad diz que recepção de Lira e Pacheco a nova regra fiscal foi “muito boa”

Descripción de la imagen

Aguardando imagem patrocinada

O ministro da Fazenda, Fernando Haddad, afirmou nesta segunda-feira (20) que a recepção dos presidentes da Câmara e do Senado, Arthur Lira (PP-AL) e Rodrigo Pacheco (PSD-MG), à nova regra fiscal foi “muito boa”.A pedido do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), Haddad se reuniu com os presidentes na tarde desta segunda, antes do anúncio oficial da regra.

“Nós expusemos as linhas gerais do arcabouço, que vai ser anunciado pelo Presidente da República. Acho que a recepção tanto dos líderes como dos presidentes foi muito boa. Assim como foi dos ministros na sexta-feira, que conheceram o arcabouço na reunião com o presidente. Então nós estamos confiantes de que nós estamos na fase final”, disse.

Haddad também se encontrou com os líderes do governo na Câmara e no Senado, o deputado José Guimarães e o senador Jacques Vagner.Perguntado sobre o que faltava para que o projeto fosse apresentado oficialmente, Haddad disse falta definir se a nova regra fiscal será lançada em conjunto com um novo arcabouço para as PPPs (Parcerias Público-Privadas).“Para mim é indiferente lançar junto ou não, pode ser uma solenidade, pode ser duas, mas é uma coisa importante para alavancar investimento, num momento em que o Brasil está precisando de investimento. E tem uma conta sobre vinculações constitucionais que estamos fazendo para ter segurança sobre os parâmetros. São detalhes pontuais”, completou o ministro.

Montadoras param produção e instauram férias coletivas após desempenho abaixo do esperado na venda de veículos

CNN