3 de Março, 2024

Como aumentar a autoestima feminina: três dicas simples para praticar agora mesmo

0

Crédito: @nakedfotografia

Descripción de la imagen

Aguardando imagem patrocinada

É fato que amar a si próprio não é tarefa fácil, ainda mais para muitas mulheres. Olhar para o espelho e ficar satisfeita com a própria imagem e quase com um desafio. Mas, por que isto é tão difícil?

Segundo as fotógrafas Michelle e Mariana Moll, desde muito novas as mulheres são ensinadas que é preciso alcançar determinado corpo para, enfim, ser considerada bonita e só assim ser feliz. “O que ninguém conta é que esse padrão é inalcançável. Não importa o quanto você se dedique, nunca vai chegar lá. E nesse processo de busca pela beleza ideal, a autoestima e a confiança vão lá para baixo. Em um contexto como esse, é realmente muito difícil se amar”, comenta Michelle.

É possível nadar contra essa maré e construir uma relação mais respeitosa com o próprio corpo. O processo é longo, diário e contínuo, mas com pequenas mudanças de hábitos é possível passar a gostar mais de você mesma. As fotógrafas compartilham 3 dicas para colocar em prática ainda hoje e voltar a se amar:

1. Pare de se comparar com outras mulheres

A insatisfação com o próprio corpo vem muito da comparação com o corpo de outras mulheres — isto é reflexo da rivalidade feminina que nos é ensinada ainda na infância. Dessa forma, romper com essa lógica é fundamental. Para isso, faça uma limpa nas redes sociais e deixe de seguir mulheres que fazem com que você se sinta mal com o próprio corpo.

Busque acompanhar mulheres de diferentes corpos e belezas. Isso vai te inspirar e ajudar a “virar a chavinha” para entender que todas carregam a sua beleza única e particular. Assim, com referências positivas, fica mais fácil gostar de si.

2. Para de se cobrar tanto

Deixe a cobrança de lado e seja compreensiva. Aceite suas falhas, imperfeições, processos e entenda que as coisas levam tempo. Leva tempo até voltar a se amar. E tudo bem. Pode ser que nesse trabalho de fortalecer a autoestima você se sinta mal e pense coisas negativas sobre o seu corpo, afinal, sempre foi assim. Se isso acontecer, não se condene. Busque entender de onde vem esse sentimento e de que forma pode mudá-lo.

3. Movimente-se!

Praticar atividades físicas é fundamental para se sentir bem não apenas fisicamente, mas também mentalmente. Não é sobre emagrecer, mas sim sobre os benefícios para a saúde. A produção de endorfina aumenta quando o corpo se movimenta, melhorando o humor e promovendo a sensação de bem-estar. Busque aulas de dança, ioga, vá caminhar no parque. Colocar o seu corpo para se mexer é o melhor que você pode fazer por ele.

Dica extra: faça um ensaio sensual

“Sempre comentamos sobre o poder do ensaio sensual para a autoestima da mulher. Os relatos de clientes que se sentiram mais bonitas, sensuais e confiantes após as fotos são inúmeros. Isso acontece porque o ensaio fotográfico proporciona a chance de olhar para si sob uma nova ótica. O olhar da fotógrafa capta ângulos e detalhes que mostram como há beleza em cada parte do seu corpo. Essa nova perspectiva é um convite para voltar a se amar”, complementa a fotógrafa Marina Moll.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *