28 de Fevereiro, 2024

Complexo solar de Jaguaruana equivale a 1.200 campos de futebol

Descripción de la imagen

Aguardando imagem patrocinada

Jaguaruana receberá no segundo semestre deste ano os trabalhos de construção de um complexo solar de 900 hectares, o que equivale a 1.200 campos de futebol, este é o planejamento que a empresa pernambucana Kroma Energia prospecta implementar no município. Ao longo do processo de construção, instalação e manutenção a expectativa é gerar cerca de 1.500 empregos diretos e 400 indiretos.

De acordo com o cronograma da empresa a entrega da primeira fase acontecerá em meados de 2024, e a segunda etapa, em 2025, compreendendo oito usinas. Assim denominado de Complexo Arapuá, o empreendimento terá potencial de gerar 500 MWp, e os investimentos giram em torno de R$ 1,7 bilhão.

Neste contexto, amanhã (20/04) ocorrerá uma audiência pública a partir das 10 horas na Câmara Municipal de Jaguaruana com intuito de debater critérios técnicos.

Na ocasião, serão apresentados os impactos socioambientais para representantes da Superitendência Estadual do Meio Ambiente (Semace) com objetivo de detalhar os impactos alusivos ao licenciamento ambiental do complexo solar.  

Após a solenidade, a equipe da Semace avaliará pontuações específicas e o processo irá passar por votação do Conselho Estadual de Meio Ambiente. Após aprovação, o projeto recebe a licença para instalação.