3 de Março, 2024

PT pretende retornar a governar capital, vislumbra Antônio Filho

Antônio Filho; presidente do PT Ceará

Descripción de la imagen

Aguardando imagem patrocinada

O presidente do diretório estadual do PT Ceará, Antônio Filho, conhecido como Conin, relatou que este é o momento da sigla retornar a administrar a capital cearense, para o processo eleitoral do próximo ano. “Nós temos plena convicção de que está na hora do PT voltar a governar Fortaleza. O PT tem muito como ajudar Fortaleza, que tá muito sofrida, com muitas dificuldades, na área da saúde, na educação, um desequilíbrio fiscal enorme, na área de infraestrutura, moradia, enfim, de transição energética, todas essas áreas. Fortaleza precisa de cuidado, e quem sabe cuidar de Fortaleza e dos fortalezenses é o PT, e nós queremos Fortaleza quatro vezes mais fortes no próximo ano”, ressaltou Conin.

A declaração foi realizada durante plenária do mandato do deputado federal e líder do governo federal na Câmara dos Deputados, José Nobre Guimarães, no último sábado (2), na capital cearense, onde reuniu correligionários e lideranças partidárias. Na ocasião, Antônio Filho afirmou que o partido vai fazer no próximo dia 16 uma reunião com objetivo de traçar diretrizes para as eleições municipais de 2024. “Vamos aprofundar esses dados, e vamos ter uma meta mais objetiva, mas com certeza o PT vai crescer no estado do Ceará em 2024”, salientou o presidente da sigla partidária.

José Nobre Guimarães elencou que o partido tem se dedicado a realizar mobilização no sentido de fortalecer a conjuntura política no Ceará. “Nós fizemos um evento que mobilizou o estado todo, são pelas minhas contas, são mais de 140 municípios, mais de 40 prefeitos, vices – prefeitas, uma imensidão de vereadores, e a militância do PT e dos movimentos sociais e dos nossos aliados. Eu estou muito contente pelo o que essa plenária representou, foi uma plenária contente, nós discutimos o futuro, 2024, 2026. Eu penso que foi um momento muito forte, de reafirmação do nosso projeto aqui com Elmano e Lula presidente”, destacou Guimarães.

  • Veja entrevistas com entes da matéria com Wellington Freitas;