20 de Junho, 2024

Jaguaruana e Jaguaribara ofertam escolas estaduais de tempo integral

Eliana Estrela - Secretária de Educação do Estado do Ceará

Descripción de la imagen

Aguardando imagem patrocinada

Aguardando imagem patrocinada

Os municípios de Jaguaruana e Jaguaribara são duas cidades da região do Vale do Jaguaribe que oferecem neste ano na rede pública de ensino o regime de tempo integral, segundo consta no enquadramento estatístico do governo do estado. Ao todo em 2024, são 29 escolas neste perfil que configuram nesta modalidade.

As novas escolas que estão distribuídas no Ceará em tempo integral são Fortaleza (7), Aracoiaba, Barroquinha, Camocim, Canindé (2), Caririaçu, Farias Brito, Frecheirinha, Ipu, Itatira, Jaguaruana, Jaguaribara, Meruoca, Mucambo, Pacajus, Quixelô, Quixeramobim, Senador Sá, Tamboril, Tauá (2) e Tejuçuoca. Os investimentos para este setor neste ano remontam a cerca de R$ 70 milhões.  

No total, o Ceará contém 512 unidades neste panorama, englobando 177 mil estudantes, o que representa na aplicação pedagógica em cerca de 75% da rede. O governador do estado, Elmano de Freitas, enfatizou o papel desempenhado pela Secretaria de Educação (Seduc) na obtenção dos resultados.

“Nós estamos em um evento que é algo central dentro do projeto político que acreditamos: a escola em tempo integral. Temos que pensar em uma escola que entenda a nossa juventude por inteiro. O nosso desejo é que as nossas escolas sejam um ambiente de respeito, algo libertador, mas que prepare para a vida. Isso aqui está acontecendo hoje graças ao trabalho de toda a equipe da Seduc”, ressaltou o chefe de executivo estadual durante a cerimônia realizada hoje no Palácio da Abolição.

A titular da Seduc, Eliana Estrela, reforça que uma das metas estabelecidas pelo governador é a universalização das das escolas em tempo integral até 2026. “Nós temos uma história de longo tempo em escolas de tempo integral, desde o governador Cid, algo que avançou com Camilo e Izolda, e agora é tratado fortemente com o governador Elmano, que tem o objetivo da universalização para 2026. O tempo integral para nós é muito valoroso. Conseguimos ver os resultados do quanto é importante o aluno ter mais tempo na escola, se dedicando aos estudos, com o auxílio de professores”, avaliou a secretária.

E em depoimento do governador Elmano de Freitas nas redes sociais, o Novo Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) beneficiou o Ceará com repasse de recursos para 133 obras direcionadas para a educação básica. “O Ceará foi escolhido para ter 55 novas Escolas de Tempo Integral, a partir do investimento de R$ 150 milhões. Dessas, quatro são para o Estado (ensino médio) e 51 para municípios cearenses (ensino fundamental). Os municípios também foram contemplados com 78 novas creches, e assim poderão ampliar a oferta de vagas para crianças”, mencionou Elmano.

Aguardando imagem patrocinada